Com direito a briga no final, Santos perde da LDU, mas se classifica para as quartas de final da Libertadores

O Santos recebeu a LDU (EQU) pela segunda partida das oitavas de final da Copa Libertadores e apesar da derrota por 1 a 0, conseguiu se classificar para as quartas de final da competição em função do gol qualificado. O time da Vila Belmiro venceu a primeira por 2 a 1. O gol foi marcado por Zunino, que entrou no segundo tempo.

O segundo tempo ficou marcada pela confusão que o atacante Aguirre, da LDU, armou no último lance da partida. Ele acabou sendo expulso, por dar um soco em Veríssimo, e, após a checagem do VAR, ele expulsou o volante Villaruel (LDU), Omar Feitosa (Comissão do Santos) e Luiz Felipe zagueiro do Santos).

Com este resultado o encara vencedor de Grêmio e Guarani (PAR). A partida está marcada para acontecer nesta quinta-feira (3) às 21h30, na Arena do Grêmio. O Tricolor venceu o primeiro jogo por 2 a 0. Ainda não há data definida para as quartas de final.

A próxima partida dos comandados de Cuca será o clássico contra o Palmeiras, pelo Campeonato Brasileiro, no domingo (06) às 16h.

Santos bombardeia LDU, mas não abre o placar

O Peixe dominou o primeiro tempo da partida contra os equatorianos. A pressão imposta pela e o estilo de jogo rápido fizeram com que a LDU tivesse só uma chance na primeira etapa, com Borja. Ele pegou a sobra do cruzamento, dentro área, e mandou a finalização por cima do gol de John.

As chances criadas pelo time casa foram nos pés de Diego Pituca (primeiros minutos), Kaio Jorge (cara a cara com o goleiro, aos 21), Lucas Braga (no travessão, aos 28) e Marinho (quase roubou a bola do goleiro, aos 30). Além dessas finalizações, o Santos ainda chutou outras oito vezes, mas sem muito perigo.

LDU aproveita chance, marca gol, mas não consegue se classificar

O segundo tempo trouxe o mesmo roteiro do primeiro. O Santos começou levando muito perigo ao gol da LDU com Pituca, aos 07, e Marinho , aos 10.

Precisando do resultado, o técnico Pablo Repetto trocou seus pontas, colocou mais um atacante em campo e mudou o estilo de jogo da equipe, a colocando para frente A mudança gerou resultado. A LDU abriu o placar da Vila Belmiro com Zunino. Aos 19, ele aproveitou a confusão na área do Peixe, pegou o rebote de uma finalização e marcou. O gol precisou ser checado pelo VAR, que validou o lance.

O 1 a 0 não desclassifica o Santos, pois a equipe venceu o primeiro jogo por 2 a 1 e tinha a vantagem do empate no placar agregado.

Os comandados de Cuca sentiram o gol e acabaram ficando confusos em campo. Hora partiam para ataque, para tentar acabar com o jogo. Hora ficavam, pois tinham a vantagem.

A LDU, que começou a gostar do jogo, e ganhou confiança com o gol, quase ampliou o placar com Zunino, de novo. Aos 34, a bola sobrou para ele, na pequena área, mas a sua finalização foi por cima do gol de John.

Aos 37 o técnico do time equatoriano partiu para o tudo o nada. Tirou o volante Villaruel e colocou o atacante Aguirre, ou seja, deixou o time com três atacantes.

No último minutos cenas lamentáveis aconteceram na Vila Belmiro. O atacante Aguirre, da LDU, deu um soco no zagueiro Lucas Veríssimo e a confusão se estabeleceu. Assim que a confusão parou, o atacante foi expulso.

Após mais de uma hora de segundo tempo, o árbitro Nestor Pitana foi ao VAR e expulsou o volante Villaruel (LDU), Omar Feitosa (Comissão do Santos) e Luiz Felipe zagueiro do Santos)

Ficha técnica:

Santos x LDU

Oitavas de final – Copa Libertadores

Local: Vila Belmiro

Santos: John, Victor, Pará, Lucas Veríssimo, Luan Peres e Felipe Jonatan (Wagner Leonardo); Alisson, Diego Pituca e Soteldo (Sandry); Lucas Braga (Madson), Kaio Jorge (Bruninho) e Marinho.
Técnico: Cuca (afastado por COVID-19)

LDU: Gabbarini, Perlaza (Zunino), Luis Caicedo, Ordóñez e Ayala (Cruz); Villaruel (Rodrigo Aguirre), Alcívar, Quintero, Billy Arce e Jhojan Júlio; Martínez Borja.
Técnico: Pablo Repetto.

Gol: Zunino.

Crédito da foto: Ivan Storti/Santos FC

Diego Palma

Diego Palma

Um dos fundadores do Resenha Livre, amante de futebol, de uma boa conversa e apaixonado pelo jornalismo. Além daqui, trabalho como Assessor de Comunicação da Brasilera Digital desde agosto de 2019. Já atuei como assessor de imprensa freelancer da PMCOM Imagem e Conceito, na editoria de esportes do Grupo Tribuna, como apresentador/repórter (#saudades), e como colaborador freelancer do site Torcedores.com

54 thoughts on “Com direito a briga no final, Santos perde da LDU, mas se classifica para as quartas de final da Libertadores

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *