A importância da trilha sonora em Cidade Invisível

Cidade Invisível, nova série brasileira da Netflix chegou na plataforma no dia 5 de fevereiro de 2021. Criada por Carlos Saldanha, a série já fez sucesso nos primeiros dias de lançamentos e alcançou o primeiro lugar no TOP 10 da Netflix em 4 dias de lançamento.

Com um Elenco de artistas renomados, entre eles, Marco Pigossi de Fina estampa (2011), Alessandra Negrini de Paraíso tropical (2007) e Fábio lago de Tropa de Elite (2007) a série já conquistou um lugar no coração no público brasileiro.

Cidade Invisível conta a história de um detetive ambiental, Éric, que está investigando um assassinato. Seu mundo vira de cabeça pra baixo quando ele se encontra em uma batalha entre mundo “real” ameaçado por seres mitológicos. A série trabalha com o folclore brasileiro, e é apresentado para o público os seres mitológicos mais “famosos” como a Cuca, Saci, Curupira e Iara.

A série carrega consigo características relevantes da cultura brasileira, além do folclore, tema principal, a série usa de músicas relevantes em sua trilha sonora. Logo em seu primeiro episódio, a série utiliza da música ‘Tu Tá Na Gaiola’ de Kevin O Chris para construir o personagem Saci, apresentando elementos da cultura jovem e mostrando traços da personalidade do garoto. Já no segundo episódio de Cidade Invisível novamente a trilha sonora é utilizada para atribuir e complementar a identidade de um personagem, dessa vez, Iara canta a música Sangue Latino, Lançada em 1973 e cantada por Secos e Molhados, que representa parte da história da personagem, que carrega o fardo de levar os homens ao mar e tirar suas vidas.

Nana Neném, outra clássica cantiga brasileira é utilizada para a “manifestação” dos poderes da Cuca, sendo cantada pela personagem para manipular e deixar as pessoas inconscientes, vale ressaltar que nas cenas da cuca a fotografia exerce um fator importante, com a predominância de cores escuras para aumentar a sensação de mistério da personagem.

Já com Manaus, o boto cor de rosa, as músicas são os clássicos sambas brasileiros, tornando impossível não reconhecer o personagem e suas características relevantes, o chapéu e a bebida.

Outros grandes sucessos da música brasileira são utilizados, como Ave, Lúcifer, de Os Mutantes, Yê Mele, de Elis Regina e Quando era meia noite, de Cantadeiras do Souza.

Cidade invisível é uma série relevante e necessária, apresenta de forma leve e fluida a cultura brasileira. Trata de assunto como religião, aceitação e história.

Confira o Trailer de Cidade Invisível:

FONTE: NETFLIX / divulgação

Leia mais: Diferença salarial entre homens e mulheres na indústria cinematográfica

295 thoughts on “A importância da trilha sonora em Cidade Invisível

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *